POR QUE DECLARAR O IMPOSTO DE RENDA?

Imposto de Renda Pessoa Física é um tributo federal, um raio x de toda movimentação financeira do contribuinte no ano anterior, além de acompanhar toda evolução patrimonial. Anualmente, é necessário entregar a declaração do IR, e este ano o período para ajustes de contas com o Leão é de 7 de março a 29 de abril.

 

Abaixo, listamos 4 motivos para você declarar o seu Imposto de Renda:

 

  • A restituição de valores. Destacamos como exemplo os contribuintes que têm o Imposto de Renda retido na fonte, ou seja, descontado direto do salário. As deduções fazem com que o imposto a ser pago seja menor que o valor retido e, logo, o governo é obrigado a devolver essa diferença.
  • Aos que pagam imposto para o governo, este valor é destinado a serviços públicos como: educação, saúde, segurança, moradia, transporte público. Na prática, a população com rendimento maior contribui mais para o governo, gerando melhorias na qualidade de vida de toda população. Vale uma ressalva que o Brasil ainda luta por serviços públicos compatíveis para a população.
  • A declaração do Imposto de Renda é um passaporte para brasileiros realizarem o sonho na obtenção de visto, pois o consulado americano solicita a declaração do IR no momento da entrevista.
  • Muitas operações como alugar ou ser fiador de um imóvel, financiamentos, exige a apresentação da declaração do Imposto de Renda.

Mas quem é obrigado a declarar?

Para este ano, a declaração é obrigatória para as pessoas que:

  • Receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 em 2021;
  • Para atividade rural, a obrigatoriedade é para quem teve receita bruta superior a R$ 142.798,50 no ano passado;
  • Os contribuintes com rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, de mais de R$ 40 mil;
  • Aqueles com patrimônio de mais de R$ 300 mil e os que tiveram ganho de capital na alienação de bens ou direitos ou fez operações na bolsa de valores, incluindo os dependentes;
  • Quem passou a residir no Brasil no ano passado; e
  • Quem vendeu imóveis residenciais e comprou outro até 180 dias depois da venda.

King Contabilidade